Outras formas de meditação não darão a você mais ou menos os mesmos resultados?

James Krag

James Krag,médico, presidente da Sociedade Psiquiátrica da Virgínia

“Assim como há muitos tipos de medicação, há também muitas abordagens chamadas de “meditação”. A vasta maioria das pesquisas sobre meditação foi feita com a Meditação Transcendental – e as descobertas indicam claramente que a MT funciona melhor que outras técnicas mentais pesquisadas para promover a saúde. Se a pesquisa mostra que uma medicação específica ajuda a tratar um distúrbio, seria irresponsável e ilógico concluir que todas as medicações ajudam a tratar aquele distúrbio. Da mesma forma, a pesquisa com a Meditação Transcendental não deve ser generalizada para incluir outras técnicas também chamadas de “meditação”. Nós devemos inteligentemente escolher o que funciona e o que é apoiado pela pesquisa. Portanto, eu apoio fortemente a introdução especificamente da Meditação Transcendental nas escolas e sistemas de saúde de nosso país.”

Vernon Barnes

Vernon Barnes, professor da Faculdade de Medicina da Geórgia

“Infelizmente não. Pesquisa comparativa tem mostrado que as várias formas de meditação não produzem os mesmos efeitos. Isto porque cada tipo de prática de meditação envolve a mente de uma forma própria, não há razão para esperar os mesmos resultados de vários métodos ou que a pesquisa científica com o programa de Meditação Transcendental se aplique a outras práticas.

Há estudos comparando os efeitos da técnica da MT, Zen, Mindfulness, Budismo Tibetano e meditações Vipassana, Relaxamento Muscular Progressivo, resposta de Relaxamento de Benson – examinando fatores como padrões de ondas cerebrais, níveis de repouso, e benefícios para a mente e o corpo. Enquanto algumas outras formas de meditação têm mostrado produzir bons efeitos em áreas específicas, estas várias práticas têm seus próprios objetivos e não pretendem necessariamente produzir o amplo alcance de benefícios que resultam da técnica da Meditação Transcendental.

“Neuroimageamento e estudos de EEG indicam que a prática da MT cria um padrão cerebral único: ela é a única técnica de meditação conhecida que cria coerência das ondas cerebrais em todo o cérebro. A técnica da MT também produz um repouso mais profundo do que outras práticas, e estudos mostram que ela é mais eficaz em reduzir a ansiedade e a depressão, e em aumentar a autorrealização.”